Mapeamos os termos mais utilizados em anúncios de imóveis de São Paulo

São Paulo está dividida em 31 subprefeituras e cada uma delas, por sua vez, está subdividida em distritos que voltam a dividir-se gerando assim os bairros paulistas. Mas, para além das divisões administrativas, estão as diferenciações ou os destaques que cada morador e corretor de imóveis conferem ao imóvel na hora de anunciá-lo para a venda. Com que termo você definiria o lugar aonde mora ou o imóvel que está anunciando?

Através do cruzamento de dados encontrados nos anúncios de imóveis de São Paulo, a Properati desenvolveu um mapa interativo. Este mapa se baseia nas palavras-chave mais utilizadas para descrever propriedades de cada um dos distritos da cidade. Properati possui mais de 100 mil imóveis anunciadas em nossa página da cidade de São Paulo.

O mapa mostra como “se vende” uma propriedade em cada um dos distritos paulistas. Para saber qual palavra caracteriza o lugar onde você mora, ou está buscando uma propriedade.

Clique aqui para ver o mapa em tela cheia

 

Proximidade do Metrô, áreas verdes e outros bairros é destaque

Com base nos resultados pode-se observar o que cada um dos distritos mais valoriza na hora de anunciar uma propriedade. Alguns valorizam o fato de estarem próximos à Avenida Paulista, como Consolação e Bela Vista. Já outros, curiosamente, destacam o outros bairros, como termo para vender seu imóvel, como é o caso de Jaçana que destaca Tucuruvi, ou Vila Andrade que destaca sua proximidade do cobiçado Morumbi, ou ainda Cidade Lider que dá ênfase à Itaquera.

Como não poderia deixar de ser em uma cidade com a extensão de São Paulo, o aspecto de mobilidade urbana, refletido no fato de ter uma estação de metrô próxima, é destacada como destaque na Vila Madalena, Saúde, Jabaquara e Vila Sônia.

Outro fator que chama a atenção, até mesmo pelas diferentes formas como aparece, é a valorização dos espaços aberto ou áreas de recreação, como parques e praças. Com base nessas características, Cachoeirinha, Mandaqui e Tatuapé chamam a atenção para as “sacadas”. Já Pedreira e Morumbi para o fato de possuírem jardim, o que o Parque do Carmo chama de “quintal”. Em Campo Limpo e Cursino temos uma valorização dos Playgrounds.

Mas, talvez os casos mais interessantes, sejam aqueles que destacam o termo gourmet, o qual se refere a um espaço parecido ao antigo salão de festas. Entre os bairros que valorizam a sua existência na propriedade estão Campo Belo, Barra Funda, Vila Maria, Santana e Vila Leopoldina. Você pode conferir alguns dos lançamentos com área gourmet que já contam com esse item.

Por fim, aqueles que prometem facilidades de pagamento, frisando o termo “financiamento”, como fazem Cangaíba, Jaguaré e Cidade Tiradentes.

E você, como que palavra escolheria para vender o seu imóvel?